Edu Guedes abre processo milionário contra ex-apresentador da Record

Edu Guedes é apresentador do programa The Chef na Band (foto: Kelly Fuzaro/Band)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Depois de Marcos Mion, agora é a vez de Edu Guedes perder o sono por conta de problemas com um imóvel. Recentemente, o apresentador do The Chef, da Band, descobriu que um terreno adquirido por ele do produtor musical Marco Camargo havia sido penhorado. Camargo é ex-jurado do reality Ídolos, produzido pela Record entre 2008 e 2012. As informações são da colunista Fábia Oliveira, do portal iG.

Em outubro de 2016, Marco Camargo e a mulher, Fernanda Boscolo de Camargo, venderam um terreno no Alphaville Residencial 4, em Santana de Parnaíba, na Região Metropolitana de São Paulo. De acordo com o processo aberto por Guedes na Justiça, por manterem uma relação de amizade e confiança, e por serem colegas de trabalho na televisão [na Record], jamais poderia suspeitar que o bem vendido pelo casal estivesse sendo objeto de uma ação de execução.

Segundo Fabia Oliveira, Edu Guedes tentou por várias vezes entrar em contato com o casal, mas todas sem sucesso. Em novembro de 2020, o apresentador se viu obrigado a quitar os valores para não perder o imóvel. Depois, Edu notificou Marco e Fernanda para que ele fosse ressarcido dos valores pagos, mas também foi ignorado. Por isso, o advogado optou pela cobrança regressiva. O chef pede indenização de R$ 440 mil.

Na ação, o advogado diz que Marco e Fernanda teriam declarado no contrato de compra e venda que o terreno não sofria restrições de qualquer natureza, inexistindo ônus real, pessoal, judicial ou extrajudicial. A dívida que culminou na penhora do bem é de 23 de abril de 2008, do proprietário anterior a Marco Camargo. O ex-jurado comprou o imóvel em 2009 e depois vendeu a Edu em 2016.

Leia mais