Bruna Marquezine quebra o silêncio e revela já ter sido agredida

Bruna Marquezine revelou já ter sido vítima de agressão (foto: Reprodução)
Bruna Marquezine revelou já ter sido vítima de agressão (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Em cima da pauta de violência contra a mulher, Yasmin Brunet usou as redes sociais pra mostrar ao mundo que inúmeras mulheres passam por relacionamentos abusivos. E, para a surpresa da internet, Bruna Marquezine foi uma das muitas que se manifestaram na publicação em que a loira pedia para que mulheres que já sofreram agressões físicas, emocionais ou psicológicas se manifestassem publicando um ponto final nos comentários. A atriz publicou o símbolo, deixando seus fãs surpresos, e recebeu inúmeras mensagens de apoio de fãs e admiradores.

“Você é perfeita, lembre-se disso!”, escreveu uma internauta como resposta para a morena. “Com certeza passou por agressões psicológicas e traições”, cogitou uma seguidora. Em entrevista recente para a Vogue, a ex-funcionária da Globo contou como o feminismo mudou a sua vida. “Lembro de quando comecei a entender e ouvir mais sobre feminismo. Foi quando percebi que era vítima diariamente da cultura machista”, desabafou Bruna Marquezine.

“Mais do que isso, percebi que outras mulheres passam constantemente por casos trágicos e histórias irreversíveis por conta dessa cultura. Então, de certa forma, o que me dá forças é ver que o que eu falo tem um impacto sobre as pessoas, que elas se interessam pelo que eu acredito e luto, e passam a abraçar a causa”, prosseguiu a atriz.

“Fico me perguntando sobre quem ainda não abraçou o feminismo, sobre o porquê de ainda não ter acontecido. Abraçar essa causa, além de protestar, é um exercício diário, é uma luta pela igualdade, uma luta pela empatia e nunca se conformar com as coisas que estão do jeito que estão. Ainda temos um longo caminho pela frente, mas sou otimista e acredito que veremos as mulheres cada vez mais unidas”, concluiu.

Leia mais