Marcos Mion chora na Globo e agradece oportunidade de comandar Caldeirão

Marcos Mion chorou durante participação no Encontro (foto: Globo/Reprodução)
Marcos Mion chorou durante participação no Encontro (foto: Globo/Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Marcos Mion não conseguiu segurar a emoção ao falar sobre a oportunidade de apresentar o Caldeirão nas tardes de sábado da Globo. Na manhã desta sexta-feira (13), o apresentador participou do Encontro com Fátima Bernardes e chegou a chorar enquanto agradecia a recepção que teve na líder de audiência. “Espero estar à altura do Luciano [Huck]”, disse o artista.

O choro de Mion começou quando Fátima Bernardes relembrou o início da carreira dele no seriado Sandy & Júnior (1999-2002). Ao assistir um recado de Júnior Lima, o ex-apresentador de A Fazenda começou a chorar. “Que bacana isso, sou muito amigo dele até hoje. Essa recepção tem sido muito boa”, disse. “O Luciano também te ligou, não foi?”, perguntou Fátima.

“Ligou, foi muito legal, é um cara que eu conheço há muitos anos”, respondeu Mion. O apresentador lembrou ainda que chegou a substituir o horário que Huck tinha na Band antes de ir para a Globo. “Anos depois, eu assumi o programa. Agora, novamente, estou entrando no lugar do Luciano. Espero fazer um trabalho à altura, ele é um cara que eu admiro demais”, elogiou.

Marcos Mion assume a apresentação do Caldeirão a partir do dia 4 de setembro. Luciano Huck vai assumir o Domingão no dia seguinte (5). Em comunicado, a Globo informou que Mion terá diversos projetos para 2022, ainda em fase de desenvolvimento. Na TV paga, estes projetos incluem um reality, um programa semanal, transmissões de festivais e outras novidades que ainda serão divulgadas.

Leia mais