Nego do Borel chora e faz desabafo sobre acusações de Duda Reis: “Não aguento mais”

Nego do Borel chora e desabafa após graves acusações feitas pela ex-namorada Duda Reis (foto: Reprodução)
Nego do Borel chora e desabafa após graves acusações feitas pela ex-namorada Duda Reis (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Nego do Borel publicou um vídeo em seu perfil no Instagram na tarde deste domingo (28) para falar sobre a repercussão das acusações de violência doméstica, estupro e ameaça pela ex-namorada Duda Reis.

“Queria pedir uma coisa para vocês, porque não estou aguentando mais. Queria pedir um pouquinho mais de amor, de carinho de vocês porque não sei até onde eu vou aguentar, tá ligado? Pedir ajuda à minha família, aos meus amigos, porque estou passando um momento muito difícil onde muitas pessoas estão me julgando. E não sei o que vai acontecer comigo. Eu quero pedir ajuda. Por favor, me ajudem. Eu não estou aguentando mais. Estou sendo acusado de várias coisas pesadas. Não quero que vocês acreditem em mim, não estou me vitimizando”, disse o cantor.

“Mas eu queria só que vocês esperassem a justiça, a polícia que estudou muito para ser polícia, para fazer perícia, tudo que eles fazem. Eles vieram na minha casa, pegaram tudo, estão levantando tudo. O juiz não é bobo. Então, por favor, se vocês quiserem me julgar, podem me julgar, mas deixa o juiz dar a palavra final. Deixa a polícia apurar tudo direitinho, todas as acusações. Eu estou muito triste, magoado, não sei até onde eu vou aguentar, muitos amigos se afastaram de mim. Só quero um pouquinho de carinho de vocês. Só me dá um pouquinho de amor, de carinho, por favor. Não se afastem de mim, não, eu não aguento mais”, admitiu.

Aos prantos, o cantor falou que está sendo julgado e sofrendo muito com o episódio: “Estou sofrendo muito. As pessoas estão falando que sou um monstro. Eu já errei e quero aprender, mas não sou isso tudo que estão falando. A minha família está destruída. A minha avó, a minha mãe está chorando. Não tá tendo show, não está tendo nada para ganhar dinheiro, estou tendo que gastar dinheiro com um monte de coisa, com advogado. Eu não sou isso, eu construí minha carreira com tanto amor e tanta dificuldade”.

E continuou: “Tive a oportunidade para entrar para o tráfico, para ser bandido. Já perdi muito amigo por ser bandido. Essa é uma parada que se fosse na comunidade, se falasse que estuprou, a pessoa ia morrer. É uma parada muito séria. Só preciso de um pouquinho de amor e carinho. De abraço. As mulheres estão me chamando de homem escroto, de nojento. Eu não sou isso. Queria mostrar para vocês quem eu sou, parece vocês saberem da verdade”.

Leia mais