Ator de Cúmplices de um Resgate morre vítima de covid-19

Edson Montenegro interpretou o padre Lutero em Cúmplices de um Resgate, do SBT (foto: Reprodução/SBT)
Edson Montenegro interpretou o padre Lutero em Cúmplices de um Resgate, do SBT (foto: Reprodução/SBT)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O ator Edson Montenegro morreu neste domingo (21), aos 63 anos, vítima de complicações causadas pela covid-19. A informação foi confirmada pela filha, Juliana Tavares, no Instagram. “Meu pai descansou. Em nome de toda família, obrigada por toda corrente do bem em oração e toda energia positiva que emanaram”, publicou ela na rede social.

Edson participou de produções de sucesso como o filme Cidade de Deus, a minissérie e a adaptação teatral de Dona Flor e Seus Dois Maridos. Na década de 1990, conquistou notoriedade com as novelas Antonio Alves Taxista, no SBT, e Xica da Silva, na extinta Manchete. Entre os trabalhos mais recentes TV estão as novelas Cúmplices de um Resgate, no SBT, e Apocalipse, na Record. Atualmente, estava no teatro com o musical Donna Summer, em São Paulo.

O ator, que também era músico, estava internado na UTI do Hospital Paulistano, na Bela Vista, em São Paulo, e chegou a ser entubado na quarta-feira (7). Em entrevista para a coluna da Patrícia Kogut, de O Globo, Leonardo Tavares, filho de Edson, disse que o pai foi internado duas semanas depois de ser contaminado, o que fez com que 55% dos pulmões ficassem comprometidos pela doença.

A cantora e atriz Karin Hils foi uma das primeiras personalidades a lamentar a morte do ator Edson Montenegro no Instagram. “Parece que eu levei uma pancada na alma. Tá muito difícil de escrever. Vai com Deus, meu pai de mentirinha. Você vai fazer muita falta”, declarou ela.

No início da tarde deste domingo, o SBT divulgou uma nota de pesar lamentando a morte do ator: “O SBT lamenta profundamente a morte do ator Edson Montenegro. Na emissora, Edson atuou nas novelas “Os Ricos também Choram”, em 2005, como Aldeny; e em 2016, como Padre Lutero, em Cúmplices de um Resgate. O ator, de 63 anos, estava internado em São Paulo e morreu em decorrência de complicações da Covid-19. O SBT presta solidariedade aos amigos e deseja que Deus conforte sua família”.

Leia mais