Tiago Leifert fala sobre vitória de Juliette: “Ela não merecia o suspense”

Tiago Leifert falou os bastidores do discurso em que ele anunciou a vitória de Juliette Freire (foto: Reprodução)
Tiago Leifert falou os bastidores do discurso em que ele anunciou a vitória de Juliette Freire (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Tiago Leifert participou do programa Big Brother Brasil – A Eliminação e contou um pouco sobre sua relação com o programa nesses cinco anos no comando da atração. O apresentador revelou o motivo de ter dito a Juliette Freire que ela era a campeã sem revelar o segundo e terceiro lugar.

Sobre o discurso da final do BBB 21, ele afirmou ter usado a ordem alfabética. “Eu demorei uns dois dias pra chegar naquele formato, eu não posso ficar dez minutos falando na final. Ninguém quer saber o que eu tô falando, as pessoas querem saber quem ganhou. O que eu combinei com os chefes era que a Juliette estava com 90% nas parciais desde o começo”, revelou o apresentador.

“Eu não acho justo com ela e nem com o público, eu fazer suspense. Ela não merece o suspense, ela merece ganhar logo. Ela teve uma temporada difícil, ela apanhou muito dentro da casa, a gente queria fazer esse carinho nela na final e nos cactos também. A gente queria deixar eles felizes, dar logo o prêmio e deixar ela subir sozinha do pódio que era dela e ninguém tinha colocado ela antes”, contou o apresentador da Globo.

Ana Clara questionou o apresentador quando ele fala um discurso de eliminação, quem ele quer atingir. “Eu sempre penso no eliminado, por isso que às vezes, eu faço dois discursos. Em todas as matérias dos eliminados, no resumo que fizemos, usaram uma frase minha e às vezes, colocavam a frase do participante que eu construí o discurso do eliminado”, disse ele.

“O exemplo clássico foi o do João que o Gil perguntou se ele tinha algum arrependimento e ele fala que se arrepende de ter visto várias coisas no confinamento e não ter dito. Foi exatamente o que eu falei para o João. A gente sabia da força dele, mas que ele deveria ter usado ela bem mais”, afirmou o apresentador.

Leia mais