DC’s Legends of Tomorrow é uma das melhores séries da atualidade

Foto oficial de divulgação da temporada de DC’s Legends of Tomorrow (foto: Reprodução)
Foto oficial de divulgação da temporada de DC’s Legends of Tomorrow (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Você, meu caro leitor, não leu errado. DC’s Legends of Tomorrow é a única série em live-action que consegue te entreter em todos os episódios. A já veterana série da CW voltou para a sua sexta temporada e tem uma sétima já garantida. A nova temporada poderá ser assistida no Brasil todos os domingos na Warner, dentro do bloco Domingo Heroico. A trama começou para ser um despejo de heróis e vilões que surgiam constantemente em Arrow e The Flash, em sua maioria interpretado por atores de grande escalão ou carismáticos.

Estes heróis foram recrutados por Rip Hunter a procura de Vandal Savage pelo tempo e espaço. A série tentou ter o mesmo clima de suas outras séries em ser sérias e grandes doses de drama. Claramente um fracasso que deveria ter sido cancelada logo na primeira temporada. Na segunda temporada, os roteiristas viram que o estilo das outras séries do canal não caberia nesta série e dispensou diversos personagens e adicionaram outros, algo que seria recorrente na série. Podemos dizer que da ideia original, só se manteve o conceito de viagem no tempo.

Um ursinho de pelúcia venerado por vikings, um fantoche assassino, uma fada madrinha que mata as pessoas e até uma luta contra os vilões ao som de Thong Song (que muitos no Brasil devem conhecer como Já é Sensação do MC Andinho) e, claro, por ser uma série de viagens no tempo, não poderiam faltar personalidades históricas, como Barack Obama, Al Capone e Maria Antonieta. A trama também aproveita em diversas vezes para se autorreferenciar, por exemplo, sua falta nos crossovers dos seriados da DC Comics.

Durante as últimas temporadas, houve um foco especial em demônios, garantindo a presença de John Constantine, que teve sua própria série em 2015, mas cancelada após um grande fracasso (já disse que o seriado é um despejo de heróis, né?). Sua nova temporada será focada em aliens, algo que os roteiristas já queriam há algum tempo.

Você pode não gostar da CW, pode mencionar os efeitos visuais de baixa qualidade e até me ofender nas redes sociais citando séries como The Boys e The Umbrella Academy. Mas nenhuma delas chega ao carisma que nossos viajantes do tempo têm. Se você conseguiu passar da primeira temporada, parabéns, você começará a ver uma dos melhores seriados da atualidade.

Mateus Ribeiro é engenheiro por formação, e nas horas vagas se diverte maratonando séries e assistindo programas de origem duvidosa da televisão brasileira. No TV Pop, escreve semanalmente sobre as séries produzidas pela indústria norte-americana. Converse com ele pelo Twitter @omateusribeiro. Leia aqui o histórico do colunista no site.

Leia mais