Malu e Bruno Perini compram sua primeira casa juntos

Malu e Bruno Perini compraram a sua primeira casa juntos (foto: Reprodução)
Malu e Bruno Perini compraram a sua primeira casa juntos (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Bruno Perini usou as redes sociais para contar um pouco de sua história com a sua mulher, Malu Perini e comemorar a conquista da compra de uma casa nova. “Comecei a morar junto com a Malu em 2014, em um apartamento de 23 m/quadrados em Deodoro, Rio de Janeiro. O apartamento era tão pequeno que mal podíamos receber visitas, mas era barato e próximo ao trabalho. Ficamos lá durante uns nove meses. Tivemos que sair porque o prédio estava, literalmente, caindo (a construção começou a desabar porque tiraram uma pilastra numa obra mal feita)”, começou ele.

“Em seguida, mudamos para uma casa do Exército construída na década de 40, em Realengo. O imóvel tinha quartos excessivamente grandes, que pareciam ainda maiores porque quase não tínhamos móveis. A planta da casa era estranha. O ponto positivo é que a despesa equivalente ao aluguel era barata e eu podia ir para o trabalho de bicicleta, exceto nos dias de chuva porque a rua alagava”, relembrou Bruno Perini.

O empresário contou que já passou por algumas dificuldades na casa anterior. “Entrei em casa encarando água até o joelho algumas vezes, enquanto carregava a Malu no colo. Segundo minha vizinha, eu era um romântico. Segundo Malu, romântico era ela aceitar morar comigo naquela casa. Boludinha sempre espirituosa”, brincou ele.

“Depois, nos mudamos para Boa Vista – RR (eu ainda era militar). Finalmente moramos num apartamento melhor, mas ainda pequeno, porque o custo de vida era bem mais baixo por lá. Quem nos acompanha desde essa época deve se lembrar dos adesivos que colamos na cozinha e que Malu e eu pintamos a casa. Ficamos nesses imóveis uns três anos. Para quem olhava de fora, aquilo era um sacrifício desnecessário de dois mãos de vaca. Para nós, foram os anos em que mais juntamos dinheiro até então. Hoje compramos a casa dos sonhos da Malu”, concluiu ele.

Leia mais