Depois de Mariana Godoy, Sérgio Aguiar também revolta equipe do Fala Brasil

Relação de Sérgio Aguiar com a equipe do Fala Brasil tem ido de mal a pior (foto: Edu Moraes/Record)
Relação de Sérgio Aguiar com a equipe do Fala Brasil tem ido de mal a pior (foto: Edu Moraes/Record)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A baixa audiência e o comportamento de Mariana Godoy não são as únicas dores de cabeça dos profissionais que trabalham no Fala Brasil. Nas últimas semanas, a equipe do matinal da Record também tem sofrido nas mãos de Sérgio Aguiar, que também apresenta o telejornal. Nos bastidores, não são poucas as queixas de um suposto ego inflado do jornalista, que sequer olharia na cara de colegas com cargos de “pouca importância” na hierarquia do jornalístico. Para os funcionários, ele segue achando que trabalha na Globo, emissora que o demitiu há dois anos.

Além do clima ruim do âncora com os colaboradores do chão de fábrica, vários profissionais apostam que a atual formação do Fala Brasil não deve durar muito mais tempo. O telejornal não decolou na audiência, e praticamente não existe química entre Sérgio Aguiar e Mariana Godoy. Os dois, que chegaram a trabalhar juntos na GloboNews, nunca tiveram uma briga, mas não se bicam. No ar, ela até tenta arriscar brincadeiras com o colega, que costuma responder, no máximo, com risadas constrangidas.

TV Pop apurou que Aguiar tem reclamado para sua chefia da linguagem adotada pelo telejornal na internet, e também tem questionado sobre algumas pautas veiculadas pelo jornalístico. Não é raro que ele se incomode e faça operação tartaruga para gravar conteúdos para as redes sociais, e as queixas sobre conteúdos escolhidos para as chamadas do jornalístico, que são veiculadas na programação da Record, também tem aumentado.

Em paralelo com a crise nos bastidores, a emissora irá promover mais uma modificação no Balanço Geral Manhã para tentar turbinar os resultados pífios do Fala Brasil. A partir de segunda-feira (7), Geraldo Luís será o âncora do telejornal local, que já teve cinco apresentadores em apenas quatro anos. O problema, no entanto, não parece estar na performance do programa regional, que não raramente tem mais público do que o noticiário exibido em rede.

A Record tem o costume de ignorar todas as tentativas de contato feitas pela reportagem. Ao site NaTelinha, o canal se manifestou sobre as denúncias feitas por funcionários sobre o comportamento de Mariana Godoy. “Mariana é uma profissional extremamente educada, cortês e bem-humorada. O episódio referido simplesmente não existiu. Ela sempre grava todas as chamadas que são pedidas”, justificou a assessoria da emissora.

Leia mais