CNN Brasil contrata ex-apresentadora da GloboNews para reforçar manhãs

Ex-apresentadora da GloboNews, Priscila Yazbek vai reforçar a CNN Brasil (foto: Reprodução/InvestNews)
Ex-apresentadora da GloboNews, Priscila Yazbek vai reforçar a CNN Brasil (foto: Reprodução/InvestNews)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A CNN Brasil anunciará nos próximos dias a contratação da jornalista Priscila Yazbek. Ela, que atuou durante quatro anos como repórter e apresentadora da GloboNews em São Paulo, atuará como âncora e analista de economia dos telejornais matinais do canal de notícias e fez os seus primeiros testes de vídeo nos estúdios do canal nesta segunda-feira (5). A sua chegada tem o objetivo de desafogar Fernando Nakagawa, que peregrinou por praticamente toda a programação da emissora — e ainda se dividia entre analista e a direção da área de economia e negócios da empresa, a CNN Brasil Business.

No último ano, a jornalista atuou como editora da InfoMoney. Ela se demitiu da GloboNews em novembro de 2019 para migrar para o canal online InvestNews, plataforma idealizada por Dony de Nuccio e Samy Dana após suas ruidosas saídas da líder de audiência. Oito meses depois, ela decidiu se sair da empresa sob a justificava de estar “em busca de evolução, de aprender ainda mais como se comunicar, conectar e democratizar conhecimentos que não deveriam estar distantes da sociedade”, e migrou para o site de notícias econômicas, em que ficou até segunda (5).

Em suas redes sociais, Priscila Yazbek ainda não revelou qual é o seu próximo destino, mas confirmou que decidiu deixar a InfoMoney. “Vou guardar só boas lembranças dessa experiência. Eu queria mesmo era ter uma foto com o pessoal da redação para este post de despedida, mas tudo foi diferente nesse último ano de InfoMoney… O trabalho foi todo de casa, os vídeos e as interações também. Mas o sorriso e os olhos brilhando nas fotos das thumbs não poderiam ser mais simbólicos. A experiência desse último ano foi tão incrível e enriquecedora”, afirmou ela.

“O Radar foi feito com tanto carinho e afinco que, mesmo sem sair de casa, foi um dos anos de maior aprendizado profissional da minha vida. E é óbvio que só foi possível por causa da equipe extremamente generosa, competente e ‘resiliente’ (para usar o jargão que o mercado adora). Vou guardar só boas lembranças da experiência. Obrigada, Sergio Gwercman e Giuliana Napolitano, pela oportunidade e por terem me ensinado tanto”, concluiu a jornalista.

Leia mais