Antonela Avellaneda rebate Sammy Lee após ser chamada de vagabunda

Antonela Avellaneda, Pyong Lee e Sammy Lee (foto: Reprodução)
Antonela Avellaneda, Pyong Lee e Sammy Lee (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O reality show Ilha Record nem estreou e já está causando confusão nas redes sociais. Nos últimos dias, surgiram boatos de que Pyong Lee teria traído a mulher, Sammy Lee, com Antonela Avellaneda durante as gravações da atração em uma ilha paradisíaca. Sammy defendeu o marido dos rumores e culpou a modelo por ser “uma tentação” para o marido. O formato original da Record estreia em 26 de julho, às 22h45.

Neste domingo (11), em seu perfil no Instagram, a influenciadora resolveu se pronunciar sobre os comentários envolvendo Pyong Lee após o colunista Leo Dias, do Metrópoles, revelar que fontes dele afirmaram que o ex-participante do Big Brother Brasil 20 teria ido paro edredom com Antonela no programa de Sabrina Sato.

De acordo com Sammy, o mágico e hipnotista venceu “as tentações do diabo” no período em que ficou confinado no reality da Record. Em uma série de vídeos publicados na ferramenta stories, ela ainda pediu que seus seguidores não atacassem a artista de 38 anos.

“Vou pedir pra vocês não irem atacar a mocinha, coitada. Ela tá se fazendo de sonsa porque ela nunca se deparou com uma situação dessas, ela nunca imaginou que aconteceria isso de ser uma vagabunda (risos)”, disse. Alguns minutos depois, ela apagou o conteúdo.

Antonela também foi às redes sociais para comentar os rumores que se espalharam nas redes sociais. Ela pediu que os internautas pensassem nas famílias das duas partes antes de acreditarem nas mentiras. “Sobre alguns comentários envolvendo meu nome e que fiquei sabendo hoje. Só posso dizer que acho lamentável pessoas falarem sobre o que não existe e que não aconteceu sem pensar nas famílias das pessoas envolvidas. Lamentável”, criticou.

Na sequência, a ex-BBB 4 ameaçou a mulher de Pyong de processo após o xingamento. “Querida ninfeta inconsequente, primeiro: não sou mocinha. Sou uma mulher adulta, correta e de atitudes muito maduras e jamais faria o que você está insinuando. Também sou madura o suficiente para não ter que me arrepender daquilo que faço, razão pela qual não posto coisas para depois ter que apagar”, afirmou.

“Chamar uma pessoa pelo qualificativo que você usou dá processo e é exatamente o que acho que vou fazer para ensinar você a respeitar as pessoas. Me aguarde”, finalizou. No sábado, o YouTuber se pronunciou sobre os rumores de traição e afirmou que o conteúdo divulgado é “crime”. “Povo de internet acreditando em qualquer fake news para variar. Sem novidades. Tudo por cliques e audiência, sendo que o programa nem começou. Pior de tudo é cometer crime de difamação. Guardem os comentários e mimimi para quando assistirem”, disse.

Leia mais