Ney Matogrosso comemora seus 80 anos cantando no Altas Horas

Ney Matogrosso faz sua primeira apresentação presencial com músicos após o início da crise sanitária (foto: Globo/Zé Paulo Cardeal)
Ney Matogrosso faz sua primeira apresentação presencial com músicos após o início da crise sanitária (foto: Globo/Zé Paulo Cardeal)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Neste sábado (21), Ney Matogrosso relembra as histórias de sua carreira e apresenta números musicais com exclusividade no palco do Altas Horas, da Globo. Esta é a primeira vez que Ney canta, presencialmente, junto aos músicos de sua banda após estarem há um ano afastados em virtude da pandemia. Eles tocam hits como Jardins da Babilônia, Sangue Latino e Pavão Mysterioso. O artista completou 80 anos no dia 1º de agosto.

O segredo da vitalidade do cantor é uma das curiosidades de Maju Coutinho, que não perde a chance de perguntar diretamente ao artista. No programa, a jornalista também relembra sua infância e adolescência enquanto filha de educadores: a mãe coordenadora pedagógica e o pai professor de Português. E revela que ela própria tem formação em educação e, antes de ser jornalista, foi durante dois anos professora de crianças em duas escolas de São Bernardo do Campo, em São Paulo.

Ainda no assunto família, Ágatha Moreira conta ter sido criada em meio a seis delas, o que motiva um verdadeiro tour de visitas no Natal. A atriz também fala sobre a ansiedade para a estreia de Verdades Secretas 2 e relembra a história de sua personagem, Giovanna, seis anos depois de ter ido ao ar pela primeira vez na trama. Desta vez, a vilã aparece em cena com um novo visual platinado.

Representando o time do esporte, a jogadora de vôlei Rosamaria participa do Altas Horas carregando a medalha de prata conquistada nos Jogos Olímpicos de Tóquio junto com a seleção feminina. Ela relembra seu início na modalidade e diz que seus pais foram grandes incentivadores de sua carreira, apostando nela desde que viviam na pequena cidade de Nova Trento, em Santa Catarina. Hoje morando na Itália, Rosamaria brinca não ter tido problemas de adaptação no país por ter vindo de uma região formada por imigração italiana e, claro, pela vasta culinária local. A atleta ainda aborda a experiência olímpica e destaca a união entre as jogadoras do vôlei.

Completando o time olímpico, participam do programa o nadador Bruno Fratus e sua esposa Michelle Lenhardt, que é, também, uma de suas treinadoras. Os dois falam da simbiose entre casamento e treino e se divertem ao entregar que os assuntos acabam se misturando em casa e na piscina. Michelle diz ter se permitido ocupar a posição de esposa no dia da prova que garantiu o bronze a Bruno. O casal comemorou o feito de Bruno com um inesquecível beijo apaixonado na área da piscina olímpica. O atleta revela ainda que estava absolutamente tranquilo durante a disputa pela medalha. O Altas Horas tem apresentação e direção geral de Serginho Groisman, direção de Adriana Ferreira e vai ao ar aos sábados, depois do Vai que Cola.

Leia mais