Silvio Santos resgata participação de Eliana no Topa Tudo por Dinheiro

Silvio Santos e Eliana no palco do programa Topa Tudo por Dinheiro (foto: SBT/João Batista da Silva)
Silvio Santos e Eliana no palco do programa Topa Tudo por Dinheiro (foto: SBT/João Batista da Silva)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Ainda sem previsão de voltar a gravar no SBT, Silvio Santos exibe neste domingo (29) mais uma seleção de programas que marcaram sua carreira na televisão. No horário do seu tradicional programa, será exibida uma edição do Topa Tudo por Dinheiro que contou com a presença de Eliana, que nesta semana comemora 12 anos aos domingos no canal e 30 de carreira como apresentadora.

No programa Nada Além da Verdade, a participante a responder questionamentos afiados de Silvio Santos será a cantora Simony. Já o Em Nome do Amor recorda a vinda de um dos maiores nomes do humor em seu palco: o comediante Ronald Golias. Sempre divertido, o Qual é a Música mostra o dia em que Ivete Sangalo, Sabrina Parlatore e Alexandra Marques competiram com Cleiton, Camargo e Theo Becker.

O telespectador do SBT poderá conferir ainda os resultados do sorteio do Vitrine SBT com Patricia Abravanel e, como não podem faltar, as Câmeras Escondidas garantem o riso com as pegadinhas: Cuidado com o Trem, Escada Rolante que Cola, Ivo Ladrão de Ar, Ivo Faz Xixi e Carrinho Explosivo.

SBT usa aviõezinhos de Silvio Santos para falar sobre economia

O SBT criou o seu próprio índice econômico para explicar as mudanças na economia brasileira. Em uma tentativa de exemplificar a desvalorização do real de forma lúdica, o SBT Brasil exibiu na noite da última terça-feira (24) uma curiosa reportagem mostrando como os aviõezinhos de dinheiro atirados por Silvio Santos para o auditório de suas atrações perderam valor com o passar dos anos. O telejornal contou com auxílio de especialistas da Fundação Getúlio Vargas que uma nota de R$ 10 arremessada pelo empresário há 27 anos teria o mesmo valor de R$ 110,72 nos dias de hoje, ou seja, a pessoa precisa de R$ 110,72 para ter o poder aquisitivo que uma nota de R$ 10 tinha há quase três décadas.

O índice do aviãozinho, apesar de inusitado, passa longe de ser um absurdo. Um dos cálculos mais respeitados para a avaliação de valorização e desvalorização de moedas em todo o mundo é o Índice Big Mac, elaborado pelo inglês The Economist em 1986. A métrica explica de maneira simples o conceito econômico de paridade de poder de compra, e mostra que o sanduíche comercializado pela rede de fast food no país é o mais caro de todo o mundo. Ou seja: o real não representa praticamente nada diante de pesos pesados da economia mundial, como o dólar e o euro.

A métrica criada pelo SBT Brasil também gerou uma extensa reportagem no portal de notícias da emissora. Nela, os jornalistas do canal entrevistaram diversos nomes que presenciaram a criação dos aviõezinhos de dinheiro dados ao público do Programa Silvio Santos. “A gente foi desenvolver esse aviãozinho com um senhor que trabalha aqui, o sr. Assis, e teve que fazer vários testes porque não foi o primeiro que voou. O Silvio queria que cruzasse o auditório todo. Então foram feitos vários testes até achar o formato certo do avião e aí, o senhor Assis começou a fazer”, pontuou a produtora-executiva Elaine Cristina Nogueira.

“Quando você controla a inflação, você evita que ela penalize os menos favorecidos. Você tem brasileiros que vivem em extrema pobreza. Muito vulneráveis. E o aumento da inflação os afasta mais daquilo que é mais fundamental, que são os alimentos. Porque é ali também que a inflação está persistente nos últimos meses”, pontuou o economista André Braz, consultado pela emissora para explicar a desvalorização do ícone do dono do Baú.

Leia mais