EX-LOADING

Band nega contratação de executivo que levou canal à falência

Band nega que tenha projetos em desenvolvimento com Thiago Garcia (foto: Reprodução)
Band nega que tenha projetos em desenvolvimento com Thiago Garcia (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A Band negou a contratação do executivo Thiago Garcia, responsável pelo desenvolvimento do canal Loading, que faliu em menos de seis meses após o lançamento. Nesta terça-feira (22), o site NaTelinha havia divulgado que o Grupo Bandeirantes estava planejando o lançamento de um novo canal pago dedicado a games sob o comando do diretor.

“A Newco PayTV, programadora responsável pelos canais por assinatura Agromais, Arte1, BandNewsTV, BandSports, Sabor & Arte, Smithsonian Channel, SexPrivé e Terraviva, informa que Thiago Garcia não tem nenhum projeto ou parceria com o Grupo Bandeirantes. A Newco Pay TV estuda o forte mercado de games e de cultura geek assim como outros segmentos”, disse o conglomerado em nota oficial.

Após a divulgação da suposta contratação de Thiago Garcia pela Band, ex-funcionários da Loading se pronunciaram nas redes sociais. “O Thiago Garcia, ex-CEO da Loading, vai abrir um novo canal de games. HAHAHAHAHAH Parece piada, mas não é. Quem sabe agora ele desbloqueia os funcionários no Twitter e dá uma satisfação do porquê a Loading acabou”, protestou o ex-apresentador da emissora Felipe Goldenberg.

O canal Loading chegou ao fim no mês de maio, menos de seis meses após seu lançamento, em dezembro de 2020. Os funcionários foram demitidos e os programas substituídos por reprises de animes. Segundo o NaTelinha, quase 60 pessoas envolvidas no projeto foram demitidas. O motivo do fim das atividades foi a desistência da Kalunga, principal patrocinadora do projeto.

Leia mais