Musa da direita? Mulher de Jair Bolsonaro começa a seguir Sarah em rede social

Sarah Andrade foi seguida pela mulher de Jair Bolsonaro em uma rede social (foto: Reprodução/TV Globo)
Sarah Andrade foi seguida pela mulher de Jair Bolsonaro em uma rede social (foto: Reprodução/TV Globo)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O BBB21 definitivamente está indo longe demais. Dias depois de Sarah Andrade assumir em rede nacional que tem simpatia por Jair Bolsonaro, a participante do reality show da Globo ganhou uma nova seguidora ilustre em seu perfil no Instagram. Michelle Bolsonaro, mulher do presidente da República e primeira-dama do país, passou a acompanhar as publicações da brasiliense no Instagram nas primeiras horas deste domingo (7), conforme relatório da plataforma SocialBlade, que acompanha movimentações da rede social em tempo real.

Além do prestígio da mulher de Jair Bolsonaro, a consultora de marketing também foi adotada pelos apoiadores do presidente nas redes sociais. No Twitter, uma série de perfis com mais de 100 mil seguidores já tem declarado apoio irrestrito para a participante do Big Brother Brasil. Alguns internautas, mais assanhados, já se referem a loira como “musa da direita” e “Bolsogata”, e prometem organizar mutirões para assegurar a permanência da sister na casa mais vigiada do país, caso ela seja indicada para algum paredão.

A história de amor entre Sarah Andrade e Jair Bolsonaro começou na noite de sexta-feira (5), quando ela e outros participantes decidiram fazer teorias sobre o que poderia estar acontecendo fora do confinamento. “Será que alguém morreu?”, questionou João. A princípio, o grupo ficou surpreso com a pergunta do brother, mas acabaram se divertindo com a pergunta. “Impeachment de algum presidente, de algum país?”, sugeriu Sarah. “Não do nosso, eu gosto dele!”, completou a sister.

Há algumas semanas, Sarah contou que seguia Bolsonaro nas redes sociais, mas que deixou de segui-lo por medo de ser cancelada pelo público que acompanha o reality. Ela disse que viu que uma participante que teve o “nome vazado” foi achincalhada e cancelada pelo público por seguir o presidente. “Eu gostava de ver o que era postado. Aí, eu vi e: ‘Ui! Vou parar de seguir”, disse ela, que é brasiliense.

Além de falar que gosta de Bolsonaro, Sarah também se queimou fora da casa depois que a edição do programa mostrou ela e Gilberto criticando Carla e Juliette com a recém-eliminada, Lumena Aleluia. A sister chegou a perder 100 mil seguidores no Instagram por causa da conversa.

 

Leia mais