Equipe da Globo é agredida durante gravação de reportagem em São Paulo

Imagem com foto do homem que agrediu equipe da Globo
Globo divulgou imagem de homem agrediu equipe da emissora (foto: Reprodução)

Uma equipe da Globo que fazia uma reportagem sobre a feirinha da madrugada, que acontece em São Paulo, foi agredida na tarde de quarta-feira (2). A ocorrência foi divulgada pela emissora no SP1 desta quinta-feira (3). Segundo o âncora Alan Severiano, o cinegrafista Ronaldo de Souza vai passar por uma cirurgia na mão por conta da violência sofrida. As imagens do agressor foram exibidas no noticioso.

“Os repórteres Renato Biasi e Ronaldo de Souza foram agredidos ontem à tarde quando gravavam uma reportagem sobre a situação da feirinha da madrugada, no Brás. Este homem, que segurava um cachorro amarrado a uma corrente, se aproximou e começou a xingar os repórteres que faziam imagens no local”, disse o apresentador.

De acordo com o titular do jornal local, o agressor utilizou uma corrente para atingir os profissionais do canal. “Um golpe acertou a mão do repórter cinematográfico Ronaldo de Souza. Ele está bem, mas terá que fazer uma cirurgia. Não ficaram claras as motivações do agressor, cujo objetivo era impedir o trabalho da imprensa”, informou o comunicador.

“A TV Globo repudia com veemência a violência, se solidariza com seus profissionais, tomará as medidas legais e adverte mais uma vez que todos aqueles que agridem com declarações o trabalho da imprensa estimula este tipo de ato. A nossa solidariedade ao Renato e ao Ronaldo”, finalizou texto lido por Alan Severiano com a posição da Globo.

Leia mais