Apresentadora da Globo chora ao vivo após mulher destratar equipe que trabalha na cobertura da pandemia

Bruna Mendes se emocionou ao falar sobre a situação nos hospitais de Campo Grande (foto: Reprodução/TV Morena)
Bruna Mendes se emocionou ao falar sobre a situação nos hospitais de Campo Grande (foto: Reprodução/TV Morena)

Bruna Mendes, apresentadora do MS1 na TV Morena, afiliada da Globo em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, chorou ao vivo na edição do telejornal desta quinta-feira (18) durante a cobertura sobre a situação do colapso na saúde pública da cidade. Os hospitais públicos e particulares da região estão lotados e não conseguem atender a população contaminada pelo vírus da covid-19. Na terça-feira, uma apresentadora da Record também não conseguiu segurar a emoção e chorou enquanto apresentava o Cidade Alerta.

A jornalista se emocionou ao comentar sobre um fato relatado pela colega de emissora Luana Rodrigues, que estava em um link. De acordo com a repórter, uma senhora passou pela equipe na rua e, fazendo o sinal da cruz, disse: “Deus me livre desse povo que só fala de covid”. O Hospital Regional de Campo Grande, referência no atendimento aos pacientes com covid-19, está com todas as vagas para UTI lotadas e não possui sequer profissionais para atendimento ao público.

No estúdio, Bruna disse que ficou emocionada com o relato da jornalista e que se sentiu no lugar da colega e do repórter cinematográfico que ouviram as palavras da senhora na rua. “Nós temos que respeitar a opinião de todas as pessoas. Respeito é algo que a gente precisa conviver em sociedade. Nós apenas não aceitamos. Não conseguimos entender como as pessoas, ainda hoje, negam a realidade que nós estamos vivendo. Esse é o recorte da humanidade hoje e isso vai estar em destaque nos nossos telejornais”, afirmou Bruna Mendes.

Ao chamar outro link, com o secretário de saúde do Mato Grosso do Sul, Geraldo Resende, a âncora do MS1 não conseguiu segurar a emoção e chorou enquanto falava com o entrevistado. “Num trabalho árduo também todos os dias, né secretário. Tantas vezes nós conseguimos ver aqui por trás de toda essa máscara, a lágrima, o sofrimento por ter perdido um amigo que trabalhava com o senhor, uma amiga, um parente. A gente se emociona porque tem muita gente morrendo por conta da doença. E agora o Hospital Regional fazendo fila para receber paciente”, disse chorando. Após a entrevista, ainda emocionada, a jornalista pediu desculpas aos telespectadores.

Assista ao vídeo do trecho do telejornal em que a repórter faz o relato e emociona a apresentadora Bruna Mendes, da TV Morena:

Leia mais