Jornalistas do SBT se revoltam e não querem a volta de Dudu Camargo

Dudu Camargo deixou colegas do SBT revoltados após entrevista ao Pânico (foto: Reprodução/Jovem Pan)
Dudu Camargo deixou colegas do SBT revoltados após entrevista ao Pânico (foto: Reprodução/Jovem Pan)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

As duas semanas de férias forçadas de Dudu Camargo implodiram a relação do apresentador com a imensa maioria de seus colegas de trabalho. A entrevista do pupilo de Silvio Santos ao Pânico caiu como uma verdadeira bomba na equipe do Primeiro Impacto, que ficou estarrecida com as declarações concedidas pelo apresentador ao humorístico de Emílio Surita. Durante mais de meia hora, o titular do matinal do SBT metralhou os seus próprios parceiros de telejornal, alfinetou o seu substituto e implorou por um emprego em qualquer outra emissora de televisão.

O clima é de revolta entre praticamente todos os profissionais que trabalham no Primeiro Impacto. Em menos de duas semanas de ausência, Dudu Camargo destruiu a relação de respeito e amizade que levou quase cinco anos para ser construída. Ninguém imaginava que um período de férias fizesse o apresentador regredir para 2017, ano em que ele expôs o telejornal ao ridículo incontáveis vezes em participações exatamente no mesmo programa Pânico.

TV Pop apurou que alguns dos jornalistas do SBT já cogitam fazer uma carta pedindo para que a emissora demita o apresentador. Há quase um ano, em 12 de abril de 2020, Marcão do Povo foi alvo de um movimento parecido: seus colegas exigiram a sua demissão após um comentário controverso durante o telejornal. Por mais que os pedidos não tenham resultados, os profissionais acreditam que é a única forma de demonstrar indignação ao comportamento dos protegidos de Silvio Santos.

Nos bastidores, muitos torcem para que a entrevista de Dudu ao Pânico chegue aos ouvidos de Silvio Santos. Outros, mais céticos, temem que a mudança brusca de comportamento do âncora do Primeiro Impacto foi orquestrada pelo próprio dono do Baú, que está incomodado com a baixa audiência dos programas da emissora e com a queda de repercussão da programação. “É tão estranho, mas tão estranho, que a gente não duvida que possa ter dedo do Silvio. Pra gente só falta o nariz de palhaço mesmo”, afirmou um dos jornalistas que trabalham no matinal.

Leia mais