Em apenas um dia, SBT alcança 19 milhões de pessoas com Libertadores

Libertadores garantiu ao SBT ótimos resultados de audiência (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Na terça-feira (20), o SBT iniciou as transmissões dos confrontos da fase de grupos da Libertadores com as exibições das partidas entre Sporting Cristal (Peru) x São Paulo, para todo o Estado de São Paulo, Porto Alegre, Curitiba e Maringá, e Vélez Sarsfield (Argentina) x Flamengo para o restante do país. Considerando a média do horário de bola em campo, das 21h30 às 23h22, as transmissões das estreias dos times brasileiros na principal competição de clubes do continente renderam ao canal um bom desempenho na média geral do PNT.

Nessa faixa horária o SBT conquistou a segunda colocação com 10 pontos de média, 15% de share e 11 pontos de pico. Índice 30% superior ao registrado pela Record, que no mesmo horário ficou com 7,4 pontos de média. Com as exibições das vitórias fora de casa de São Paulo, por 3 a 0; e Flamengo, por 3 a 2; o canal alcançou 13,2 milhões de lares e impactou 18,6 milhões de pessoas no Brasil.

Além da vice-liderança isolada no PNT, o SBT conquistou a segunda colocação com ampla vantagem em outras oito Praças: Vitória (16,9 x 6,9 da Record), Manaus (16,7 x 4,5), Rio de Janeiro (15,7 x 7,2), Fortaleza (14,5 x 7,2), Brasília (12,4 x 4,4), Belém (9,9 x 8,9), São Paulo (8,2 x 7,7) e Florianópolis (7 x 3,8).

O SBT parece mesmo estar disposto a se tornar o novo canal do esporte. A emissora de Silvio Santos anunciará nos próximos dias a compra dos direitos de transmissão da Europa League pelas próximas três temporadas do torneio e, com isso, passará a ser a detentora dos dois principais campeonatos organizados pela UEFA. A rede passará a exibir os jogos da competição a partir da fase de grupos, que tem início previsto para 16 de setembro e que contará com a participação de 32 times.

A novidade foi publicada em primeira mão pelo repórter Erich Beting, do portal Máquina do Esporte. De acordo com o site, o SBT fará o anúncio da compra dos direitos de transmissão assim que a crise provocada pela criação de uma liga paralela por parte dos clubes esteja resolvida. Além da Europa League, a emissora é a casa da Champions League por no mínimo três anos — e já oficializou a compra do torneio há alguns dias, em 6 de abril. Em seu catálogo esportivo, o SBT já conta com os direitos da Libertadores e deve anunciar também a compra da Copa América.

Leia mais