Demitida da Record, Carla Cecato fala sobre desemprego: “Tô com medo”

Carla Cecato comemora novos desafios profissionais após demissão da Record (foto: Reprodução/Instagram)
Carla Cecato comemora novos desafios profissionais após demissão da Record (foto: Reprodução/Instagram)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Demitida pela Record após 16 anos de contrato, Carla Cecato já está recomeçando no mercado de trabalho. Em seu perfil nas redes sociais, a ex-apresentadora do Fala Brasil tem dividido com fãs e ex-colegas de emissora os desafios e sensações que tem passado ao deixar de ser empregada para ter uma vida profissional independente. “Eu tô com medo. Claro! É normal! Uma nova vida! Novos começos. Novos caminhos… 99% das vezes eu tenho certeza que vai dar certo. Mas aí, de repente, me bate um desespero. E se….? E se…? E se…?”, escreveu a jornalista na legenda de uma selfie.

“Minha fé é forte. Muito forte. Mas minha cobrança com resultados me toma de uma forma… Minha carteira de trabalho foi assinada pela primeira vez em 1995, eu tinha 16 anos. Estou acostumada a ser empregada. Essa nova independência é maravilhosa, mas o frio na barriga faz parte. Faz ou não faz?”, questionou Carla Cecato. Nos comentários, amigos de jornalismo deixaram mensagens de conforto. “Só confie em Deus. Vai dar tudo certo!”, escreveu Marcão do Povo, apresentador do Primeiro Impacto no SBT. “Absolutamente normal o frio na barriga! O novo assusta! Mas dará tudo certo”, desejou Thatiana Brasil, repórter especial do Domingo Espetacular da Record.

Carla Cecato foi demitida da Record em 13 de maio. Através de um e-mail, a emissora comunicou que não precisava mais dos serviços da jornalista e pediu para que ela fosse até a sede do canal para formalizar a sua saída. A jornalista faturava R$ 65 mil mensais e, internamente, comenta-se que ela trabalhava pouco para ganhar muito. Nos últimos tempos, ela dava expediente apenas duas vezes por semana e não raramente apresentava atestados médicos.

Os problemas de relacionamento da apresentadora com suas colegas de trabalho também colaboraram com a sua saída. Há nove anos, ela provocou uma crise de choro em Roberta Piza, com quem dividia a bancada do Fala Brasil. O motivo? As duas discutiram por conta de Carminha, vilã da novela Avenida Brasil, da Globo. No início deste ano, ela voltou a tirar o sono dos executivos da Record ao protagonizar um bate-boca nas redes sociais com Salcy Lima por conta de roupas de luxo — a direção não gostou nada da exposição pública das duas funcionárias, e Salcy acabou deslocada para os boletins da meia-noite do Jornal da Record.

Leia mais