Adriane Galisteu fala sobre a sua primeira vez: “Caótica e apavorada”

Adriane Galisteu falou sobre sua vida sexual em seu canal no YouTube (foto: Reprodução)
Adriane Galisteu falou sobre sua vida sexual em seu canal no YouTube (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Adriane Galisteu publicou um vídeo na internet para comentar sobre as suas primeiras experiências. A funcionária da Record revelou como foi a sua primeira relação sexual e que teve uma experiência caótica e traumática. “Minha primeira vez foi caótica. Simples e objetiva: ca-ó-ti-ca! Assim como o meu primeiro beijo. Foi tão traumatizante o primeiro beijo que eu demorei um ano para beijar de novo. E a primeira vez foi a mesma coisa. Rolou e eu fiquei tão apavorada que eu sumi do rapaz e cheguei na casa da minha mãe com a blusa virada ao contrário”, disse.

A modelo relembrou que ao contar para a família ela apanhou. “Cheguei, contei e já apanhei. Apanhei da minha mãe, apanhei do meu pai… Minha mãe contou para a minha avó, meu avô, fez um puta de um escândalo. Foi uma merda sem tamanho. Fora que foi ruim, horroroso. Fiquei mais um ano, um ano e meio… Coitado do meu namorado que chegou. Não rolava, eu dei uma trancada e falei: ‘esquece. Isso não é para mim, esse negócio não é para mim’. Foi horrível a minha primeira vez, em todos os sentidos: a pessoa errada, jeito errado, tudo horroroso”, lamentou.

Adriane Galisteu também recordou o seu primeiro beijo que aconteceu em uma festa da vizinhança e que errou para poder acertar. “E o primeiro beijo também? Abafa! Graças a Deus a gente erra para poder acertar. Como diz uma pessoa que eu conheço a gente tem que roer o osso para comer a carne, né amor? Tem que dar umas roídas de osso!”, disse.

Leia mais