Jornal da Band passará por reformulação para a estreia de Faustão

Eduardo Oinegue é um dos apresentadores atuais do Jornal da Band (foto: Reprodução/Band)
Eduardo Oinegue é um dos apresentadores atuais do Jornal da Band (foto: Reprodução/Band)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A Band promoverá mais uma grande reformulação no Jornal da Band no início de 2022, de forma quase simultânea ao lançamento do programa de Faustão no horário nobre da emissora. Para os executivos da rede, o telejornal segue sem conseguir encontrar uma nova identidade desde a morte de Ricardo Boechat em fevereiro de 2019. Desde então, não foram poucas as tentativas da diretoria do canal em dar um novo rumo para o seu principal jornalístico, mas até agora nenhuma delas teve grande êxito. Apesar de ainda ser a atração mais visto da rede com frequência, os índices de audiência não são os mesmos de outrora, quando o noticioso conseguia competir com a Record e o SBT.

O telejornal passará por uma rodada de investimentos para recuperar a atenção dos telespectadores. A emissora irá investir na produção de mais conteúdos exclusivos, além da exibição de séries de reportagens diárias para fidelizar mais telespectadores — iniciativa semelhante foi adotada pelo Jornal da Record há alguns anos. Além disso, não é descartada a possibilidade de que haja uma redução no time de apresentadores do telejornal, que pode voltar a ser apresentado apenas por uma dupla, que contaria com o auxílio de colunistas especializados em determinados temas.

Atualmente, o jornalístico é comandado por Eduardo Oinegue, Lana Canepa, Paloma Tocci e Joana Treptow nos dias úteis, enquanto há um rodízio de profissionais nos finais de semana — mas com a manutenção de quatro âncoras. A reportagem do TV Pop apurou que Oinegue é o único garantido na bancada após a reformulação do telejornal, por conta de sua evolução no posto nos últimos anos e do perfil de âncora, que consegue comentar sobre os fatos do dia.

O atual trio feminino de apresentadoras do Jornal da Band deverá ter colunas dentro do jornalístico. Para assumir a bancada ao lado de Eduardo Oinegue, a emissora enxerga com bons olhos o nome de Adriana Araújo, que segue em negociações para integrar o departamento de Jornalismo da rede. Inicialmente, os planos eram de que ela assumisse o comando do Jornal da Noite — curiosamente, o telejornal da madrugada também era o destino original de Oinegue no canal, mas que não se concretizou por conta da inesperada morte de Boechat.

Leia mais