CADÊ A NOÇÃO?

MTV Brasil não exibe comercial com Anitta e fãs apontam xenofobia da TV

Comercial protagonizado por Anitta deu dor de cabeça no Brasil (foto: Divulgação/MTV)
Comercial protagonizado por Anitta deu dor de cabeça no Brasil (foto: Divulgação/MTV)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A confusa participação de Anitta no VMA, maior premiação de videoclipes do mundo, causou euforia e confusão nas redes sociais no domingo (12). O evento, promovido pela MTV norte-americana, foi retransmitido pela filial do canal no país, mas a emissora optou por cortar a parte em que a cantora se apresentava. O motivo? A sua performance era uma ação patrocinada para os Estados Unidos e, diante da falta de um acordo da marca envolvida no comercial com a Viacom brasileira, a rede optou por não transmitir o trecho da brasileira na premiação.

Antes de toda a polêmica, a assessoria da morena misteriosa afirmou que a cantora faria uma performance no VMA e fez questão de destacar que ela seria a primeira brasileira a protagonizar tal feito. A equipe da artista, no entanto, fez um malabarismo e omitiu um detalhe bem importante: a tal performance era um comercial patrocinado pela rede de fast food Burger King para um produto lançado apenas nos Estados Unidos. Diante dessa omissão, os fãs da cantora acabaram ficando confusos com o sumiço de sua apresentação da transmissão brasileira.

Antes mesmo do jabá não ser exibido no Brasil, as redes sociais da MTV local já estavam lotadas de comentários dos fãs brasileiros de Anitta reclamando da falta de divulgação da apresentação da cantora. Indignados com a falta de respostas do canal, os admiradores dela decidiram partir para cima da MTV gringa que, vencida pelo cansaço, optou por disponibilizar um breve vídeo com a sua participação (veja o vídeo abaixo).

Enquanto isso, sem receber um tostão do Burger King, a filial brasileira teve que se virar nos 30. Entre acusações de que estaria boicotando a cantora e agindo de maneira xenófoba (oi?), a MTV Brasil decidiu divulgar a publicação da sua co-irmã e fez um breve esclarecimento ao público nas redes sociais. “Como a apresentação maravilhosa da Anitta foi no intervalo comercial da transmissão dos EUA, vamos de trechinho aqui pra enaltecer essa rainha”, justificaram.

Errada a MTV Brasil não está

A apresentação exibida em menos de dois minutos, dentro de um dos muitos intervalos comerciais do VMA, era nitidamente um comercial mais extenso. E, justamente por se tratar de uma ação comercial, ela não faz parte dos conteúdos que devem ser exibidos pela retransmissoras da premiação internacionalmente, assim como todos os anúncios pagos e direcionados ao público americano. A inciativa não é um boicote a brasileira: é um movimento padrão de qualquer emissora global. Ninguém irá exibir um anúncio que não se aplica ao país de exibição.

Até as apresentações do cantor Ed Sherran serviram como base dos ataques que incluíram pedidos para a emissora exibir gratuitamente a propaganda rede de fast food. Fãs de Anitta usaram o cantor britânico como base para exigir que o jabá do Burger King fosse transmitido no país, já que ele se apresentou em um dos palcos oficiais da premiação com o patrocínio de uma marca. Ele, porém, diferentemente da brasileira, estava dentro de um dos segmentos do VMA, e não em um intervalo comercial.

Leia mais