Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.
SÍNDROME DE PATAU

Morre Arthur, filho do cantor Zé Vaqueiro, aos 11 meses

Foto de Zé Vaqueiro
Zé Vaqueiro e a esposa, Ingra Soares, confirmaram a morte de Arthur na madrugada desta terça-feira (9) (foto: Reprodução/Internet)

Arthur, terceiro filho do cantor Zé Vaqueiro e de Ingra Soares, morreu aos onze meses. O anúncio foi feito pelo casal em suas redes sociais na madrugada desta terça-feira, (9). Arthur nasceu com uma malformação congênita causada pela síndrome de Patau.

“Deus sabe de todas as coisas, e decidiu que era hora do nosso Arthur se juntar a Ele e descansar. Agradecemos do fundo de nossos corações, o amor e as orações que nosso menino recebeu enquanto estava entre nós”, dizia o comunicado.

Em nota, o casal informou que Arthur morreu na segunda-feira (8), às 21h45, devido a uma disfunção múltipla dos órgãos. “Próximo a completar seu primeiro ano Arthur descansou, mas deixou um legado de amor e fé para seus pais, que foram resilientes e nunca deixaram de acreditar no milagre da vida e no propósito de Deus”, pontuou a assessoria do cantor.

Arthur passou nove meses internado, teve uma breve alta em maio deste ano, mas precisou retornar ao hospital no dia seguinte. O bebê foi submetido a uma traqueostomia no fim de junho, procedimento que ocorreu bem, segundo Ingra Soares. “Meu amorzinho acabou de voltar da sala de cirurgia. Fez traqueostomia e ocorreu tudo bem”, disse ela. A traqueostomia é realizada para facilitar a respiração.

+ Bombou na semana: Chega Mais muda tudo, Fátima na noite da Globo e Dieckmann em Vale Tudo
+ Depois de derrota da Seleção Brasileira, Galvão Bueno detona equipe: “É muito ruim”

Os bebês com síndrome de Patau geralmente apresentam problemas de crescimento, defeitos cardíacos congênitos e microcefalia. A maioria sobrevive apenas por poucos dias ou semanas. Casos raros de trissomia parcial ou mosaico podem ter uma sobrevida mais longa. Em meio à dor, Zé Vaqueiro expressou sua fé e resiliência. “Não vou perder minha fé e vou continuar aqui na luta. Sei que eu e Ingra estamos fazendo de tudo por ele e por nossa família. E Deus é quem está no controle de nossas vidas”, declarou.

Leia mais