Globo notifica afiliada de Goiás por problemas na transmissão do futebol

Jogadores desaparecem em campo durante transmissão do futebol em afiliada da Globo (foto: Reprodução/ TV Anhanguera)
Jogadores desaparecem em campo durante transmissão do futebol em afiliada da Globo (foto: Reprodução/ TV Anhanguera)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A TV Anhanguera, afiliada da Globo em Goiás, foi notificada pela cabeça de rede por problemas técnicos na transmissão do jogo entre Goiás e Aparecidense, da última quarta-feira (15), válido pela sétima rodada do Campeonato Goiano. A exibição do primeiro tempo da partida foi prejudicada devido a inúmeras quedas do sinal e da qualidade da imagem do jogo.

Nas redes sociais, os telespectadores criticaram o amadorismo da afiliada da Globo em transmitir um jogo pela internet. “As transmissões da TV Anhanguera já vem sendo horríveis, mas hoje estão se superando”, escreveu o telespectador Luiz Fernando no Twitter. “Como a TV Anhanguera consegue desvalorizar o seu produto, que lixo de transmissão”, reclamou um perfil de torcedores do Goiás.

As quedas do sinal da partida, que aconteceu no Estádio da Serrinha, em Goiânia, ocorreram durante todo o primeiro tempo entre Goiás e Aparecidense. O narrador Victor Roriz, constrangido, pediu desculpas várias vezes pelas falhas.

Em uma das interrupções, que durou quase um minuto, foi necessário exibir gols de outros campeonatos para aguardar que o sinal fosse restabelecido. O jogo foi disputado a menos de 2km da sede do Grupo Jaime Câmara, onde fica a sede da TV Anhanguera em Goiânia. Após voltar do intervalo para o segundo tempo, a transmissão transcorreu sem incidentes.

De acordo com a coluna De Primeira, do UOL Esporte, a Globo ficou sabendo das reclamações da exibição da partida do Campeonato Goiano e se colocou à disposição da afiliada para resolver os problemas. A emissora carioca quer evitar que novas falhas técnicas, consideradas graves para o padrão de futebol da rede, voltem a acontecer.

Leia mais