Datena se descontrola e afirma ter vontade de cuspir na cara de golpista

Datena se descontrolou ao vivo após ter celular invadido (foto: Reprodução/Band)
Datena se descontrolou ao vivo após ter celular invadido (foto: Reprodução/Band)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

José Luiz Datena desabafou no Brasil Urgente, da Band, após afirmar que teve o celular hackeado por um golpista. O apresentador se revoltou com a ação das quadrilhas que tentam roubar dinheiro com as invasões para uso do Pix, que é uma transferência bancária. “Essas quadrilhas do Pix são canalhas. Eles entraram no meu celular. Eu queria deixar um aviso para esse bandido, vagabundo, canalha. Vai entrar no telefone da sua mãe. Vem aqui na porta da Band tentar entrar no meu telefone! Eu saio da emissora 19h30”, declarou o apresentador.

O contratado da emissora do Morumbi afirmou que o contato do golpista está nas mãos de policiais e que “torce por uma prisão” após as investigações. “Vai trabalhar, seu vigarista. Não faça isso com a minha família. Até bandido respeita a família das pessoas. Dá vontade de cuspir na sua cara. Safado, sem vergonha. Está atrapalhando as pessoas”, esbravejou.

Datena afirmou que só não cuspiria no rosto do invasor para não “cometer uma indelicadeza” com o público de casa. “As pessoas já tiveram mães perdendo R$ 20 mil. Muita gente morreu e apanhou por conta destes golpes. Eu gostaria de ver a sua cara. Quero ver se você tem coragem de falar olhando na minha cara da mesma forma que conversa com a minha família”, provocou.

Recentemente, o contratado da Band relembrou a multa milionária quando trabalhava na Record. “Para a média do brasileiro, eu ganho muito bem. Mas tenho que continuar trabalhando para ajudar a minha família. Se eu fosse milionário, não estava aqui perdendo tempo com três horas e meia de programa. Lembrando que perdi dez milhões de dólares em uma ação para a Record. Era justa, eles tinham a razão. Paguei com casa e carro”, afirmou.

Leia mais