DUELO DE REALITIES

A Fazenda 13 estreia bem, mas Adriane Galisteu perde para Ivete Sangalo

Adriane Galisteu fez sua estreia no comando de A Fazenda (foto: Reprodução/Record)
Adriane Galisteu fez sua estreia no comando de A Fazenda (foto: Reprodução/Record)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A Globo levou a melhor na noite marcada pela batalha de estratégias entre ela e a Record. Enquanto a rede da Barra Funda movimentou a sua programação e suspendeu a exibição da série Quando Chama o Coração em uma tentativa de potencializar os índices da estreia de A Fazenda 13, a líder de audiência despistou a concorrência com uma grade falsa publicada em seu site, com horários que não correspondiam com a realidade. O resultado? O reality rural teve uma estreia positiva e foi assistido por mais de dois milhões e 443 mil telespectadores na Grande São Paulo, mas não teve êxito em reter o público deixado pelo capítulo especial de Gênesis.

A competição agropecuária, no entanto, conseguiu tirar parte do público do The Masked Singer Brasil. O programa musical da Globo teve o seu pior desempenho da temporada, com média de 17,8 pontos, mas não teve dificuldades em se manter na primeira colocação durante todo o tempo que esteve no ar. No confronto direto com Ivete Sangalo, a Record garantiu a vice-liderança com 12,5 pontos — a maior audiência do canal foi obtida por Gênesis, que teve pico de 16,3 pontos às 22h42, de acordo com os dados prévios da principal metrópole do país.

A trama bíblica, por sinal, foi o programa mais assistido fora da Globo nesta terça-feira (14). O capítulo especial do folhetim foi transmitido das 21h às 22h44 e teve média de 13,0 pontos, com um substancial incremento de público após o término da novela das nove da concorrente. No embate com o Jornal Nacional e Império, a novela alcançou 12,3 pontos, enquanto a média durante o confronto com o The Masked Singer foi de 15,4. Em seu último minuto no ar, Gênesis marcava 16,2 pontos na Grande São Paulo.

Transmitida imediatamente após o encerramento da trama bíblica, com uma breve inserção de uma cervejaria antes do início oficial da temporada, a estreia de A Fazenda 13 espantou parte do público da Record. O reality caiu mais de quatro pontos em apenas quatro minutos no ar: às 22h48, a medição minuto-a-minuto apontava 12,1 pontos para a primeira noite da competição rural. Adriane Galisteu, no entanto, se recuperou e voltou a ganhar telespectadores ao decorrer da exibição — às 23h06, a emissora pontuava 13,2.

Em seu horário completo, das 22h45 à 0h08, A Fazenda 13 marcou média de 11,9 pontos na Grande São Paulo. Foi uma audiência menor do que a última temporada comandada por Marcos Mion, que debutou com 13,6 pontos, mas o índice é superior ao obtido por outras quatro estreias do reality show, em edições comandas pelo atual contratado da líder de audiência, Britto Jr. e Roberto Justus. No mesmo horário, a Globo teve 17,0 de média. O SBT ficou longe da disputa pela liderança e, na terceira colocação, cravou 5,1 pontos, seguido pelos 2,6 da Band.

A seguir, veja o histórico de audiência das estreias de A Fazenda:

ESTREIAS DE A FAZENDA

TEMPORADA
APRESENTADOR
MÉDIA
A Fazenda 3
Britto Jr.
20,3
A Fazenda 2
Britto Jr.
18
A Fazenda 5
Britto Jr.
16
A Fazenda 1
Britto Jr.
16
A Fazenda 4
Britto Jr.
16
Fazenda de Verão
Rodrigo Faro
14,4
A Fazenda 12
Marcos Mion
13,6
A Fazenda 8
Roberto Justus
13,4
A Fazenda 13
Adriane Galisteu
11,9
A Fazenda 7
Britto Jr.
11,6
A Fazenda - Nova Chance
Roberto Justus
10,4
A Fazenda 10
Marcos Mion
9,8
A Fazenda 11
Marcos Mion
9,7

Na Grande São Paulo, cada ponto de audiência representa a sintonia de 76.555 domicílios e 205.377 pessoas na respectiva emissora. O TV Pop divulgará o resultado consolidado da estreia da estreia de Adriane Galisteu no comando de A Fazenda e dos programas das demais emissoras abertas na manhã desta quarta-feira (15).

Leia mais