Morre o pai do goleiro Muriel, do Fluminense, aos 57 anos

José Agostinho Becker, pai de Muriel e Alisson, morreu aos 57 anos (foto: Divulgação)
José Agostinho Becker, pai de Muriel e Alisson, morreu aos 57 anos (foto: Divulgação)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

José Agostinho Becker, 57 anos, pai dos goleiros Alisson Becker, do Liverpool, e Muriel Becker, do Fluminense, foi encontrado morto na noite desta quarta-feira (24) após desaparecer em uma barragem na região de Lavras do Sul, Rio Grande do Sul. A informação foi confirmada pela assessoria dos esportistas.

A Polícia Civil de Lavras do Sul afirmou que José Becker morreu após cair na água e se afogar. A barragem está localizada dentro da propriedade da família e não há sinal de telefone no local. Ele foi encontrado por amigos e funcionários da propriedade, por volta de 22h50, segundo o Corpo de Bombeiros de Caçapava do Sul.

José era goleiro amador e inspirou os filhos. Torcedores assíduos do Sport Club Internacional, começaram a carreira no clube do coração da família. “É com muita tristeza que recebemos a notícia da morte de José Agostinho Becker, pai dos nossos ex-goleiros Alisson e Muriel. O Clube do Povo deseja força aos familiares e amigos neste momento de tanta dor”, escreveu a assessoria do time no Twitter.

O presidente do clube, Alessandro Barcellos, manifestou o seu pesar. “Com profundo pesar e muita tristeza recebi a notícia do falecimento de José Becker, pai dos goleiros Alisson e Muriel ex-jogadores do Internacional. Meus sentimentos a família e muita força para superar este momento difícil”, lamentou.

O Fluminense, time atual de Muriel, se manifestou lamentando profundamente. “O Fluminense Football Club lamenta profundamente o falecimento de José Agostinho Becker, pai dos goleiros Muriel e Alisson. Desejamos toda a força aos amigos e familiares”, disse.

Leia mais