PROTAGONISTA FEMININA

Bruna Marquezine conta como foram os testes de elenco do filme Besouro Azul

Foto da atriz Bruna Marquezine
Bruna Marquezine é a protagonista feminina do filme Besouro Azul, da DC Comics (foto: Reprodução)

Bruna Marquezine, que entrou para o filme Besouro Azul, da DC Comics, revelou durante entrevista ao PodDelas o processo que teve para conseguir o papel de protagonista feminina no longa, além da sensação que teve ao ao ler pela primeira vez o roteiro. “Eu nunca li nada igual, aqui no Brasil a gente não faz coisa desse tamanho, com tantas sequências de ação. Eu gritava tanto, liguei para minha empresária com uma sequência de palavrões, falando ‘meu Deus, vou fazer um filme de super-herói’”, disse ela.

A atriz também contou durante a entrevista como foram os testes para o filme, e que isso aconteceu por conta de um outro teste que ela havia feito para a DC, o do longa The Flash. “Esse teste veio através de um outro teste que fiz para a DC, para um outro filme de super-herói. Eu já fazia testes para trabalhos fora do Brasil há alguns anos, venho me preparando para isso”, pontuou.

“No começo você grava um vídeo sozinha em casa, normalmente é como é a primeira fase, e na medida que vai evoluindo, fazendo presenciais. O segundo teste foi com o diretor, mas ainda por Zoom por causa da crise sanitária. É engraçado, estar sentada, sem nenhuma direção de espaço, olhando para o além para não ficar olhando pra mim“, disse ela, detalhando como foi. “Era um teste com diretor para que ele pudesse ver o quanto você responde ao direcionamento dele, eram as duas cenas que eu já tinha gravado. E aí a terceira etapa foi presencial, em Los Angeles. Foi tudo muito rápido”.

Bruna ainda revelou que não fazia ideia para qual personagem ela estava fazendo o teste — ela foi confirmada como protagonista feminina na produção: “Gravei o vídeo num domingo em casa, três dias depois falaram que queriam a reunião com o diretor no dia seguinte. E dias depois falaram que me queriam em Los Angeles para fazer o teste de química com o ator”, contou ela.

“São as mesmas cenas, mas revelaram um pouco mais do contexto. No primeiro teste não sabia nem para que filme era. No teste para o outro filme não sabia nem quem era a personagem, só descobri quando a menina que foi escolhida – ficou entre eu e ela – postou que seria a Supergirl. Dessa vez a gente pegou o nome do diretor e viu que seria para Besouro Azul e começou a supor qual personagem seria“, concluiu.

Leia mais