Record divulga nota de repúdio contra violência sofrida por apresentadora

Silvye Alves foi agredida por ex-namorado na frente do filho (foto: Reprodução)
Silvye Alves foi agredida por ex-namorado na frente do filho (foto: Reprodução)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

A Record divulgou uma nota de repúdio contra a violência sofrida pela jornalista Silvye Alves, que apresenta o Cidade Alerta Goiás. Na noite de domingo (20), a profissional foi atacada pelo ex-namorado Ricardo Hilgenstieler com socos no rosto, chutes e tapas, que causaram feridas graves na boca e lesões pelo corpo. Ele foi preso pela polícia no momento em que tentava fugir pelo Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia. Nas redes sociais, Silvye afirmou que seu filho, de apenas 11 anos, testemunhou as agressões.

“É inadmissível que os casos de violência contra a mulher aumentem a cada ano, apesar de todos os esforços em denunciar a gravidade dos casos. Números que, infelizmente, cresceram durante a pandemia: uma em cada quatro mulheres acima de 16 anos afirma ter sofrido algum tipo de ataque no último ano no Brasil, durante a pandemia de Covid, segundo pesquisa do Instituto Datafolha encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP) divulgada em junho”, inicia a nota divulgada pela Record.

“Infelizmente nossa apresentadora do Cidade Alerta em Goiânia, a jornalista Silvye Alves, que tantas vezes no programa denunciou os casos de violência doméstica, foi vítima de agressão na madrugada desta segunda-feira (21/06). A Record TV recebeu a notícia com profunda indignação e esclarece que presta todo apoio necessário à profissional neste momento tão delicado”, informa a emissora.

A nota da Record diz ainda: “Acreditamos que toda a sociedade deve se mobilizar para que situações como essa não ocorram e que os agressores sejam devidamente punidos. Reiteramos nosso repúdio a qualquer tipo de violência e prestamos nossa solidariedade à Silvye Alves e a todas às vítimas deste tipo de crime. A Record TV ainda reafirma seu compromisso de apoio à luta contra a violência contra a mulher, num trabalho contínuo de denúncia e conscientização de toda a sociedade.”

Polícia prende acusado de agredir Silvye Alves

A Polícia Militar de Goiás prendeu no início da manhã de segunda-feira (21) o empresário Ricardo Hilgenstieler, que está sendo acusado de agressão por sua ex-namorada, a jornalista Silvye Alves, da Record. De acordo com o jornal Meia Hora, ele foi interceptado enquanto tentava comprar uma passagem aérea para deixar a capital goiana, e foi levado por policiais do 9º batalhão para a Delegacia de Atendimento à Mulher. Uma fuga do ex-companheiro da apresentadora do Cidade Alerta já era especulada pela imprensa local, já que ele é natural de Santa Catarina.

Em conversa com a página Raio Imortal, conhecida pela cobertura dos fatos policiais da cidade, a jornalista afirmou que foi atacada por Hilgenstieler com socos no rosto, chutes e tapas, que causaram feridas graves na boca e lesões pelo corpo. A Polícia Militar foi até o apartamento da funcionária da Record, mas o empresário havia deixado o local. Ela foi levada primeiramente até o Instituto Médico Legal, e posteriormente a um hospital da capital goiana, e também prestou queixa na Delegacia da Mulher.

Apresentadora do Cidade Alerta Goiás há cinco anos, Silvye Alves é um dos principais nomes da Record na cidade, e ficará afastada de suas funções por tempo indeterminado. Líder de audiência, a apresentadora ganhou visibilidade ao integrar a equipe da edição nacional do programa, então comandada por Marcelo Rezende (1951-2017). Em 2018, ela chegou a comandar uma homenagem para o âncora em rede nacional, ao lado de outros repórteres revelados pelo comunicador.

Leia mais