EX-APRESENTADORA DO FALA BRASIL

Demitida da Record, Carla Cecato abre o jogo e diz se trabalharia no SBT

Foto da jornalista Carla Cecato nas redes sociais
Demitida em maio, Carla Cecato conta se trabalharia no SBT (foto: Reprodução/Redes Sociais)
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Demitida da Record em maio, Carla Cecato usou as redes sociais para responder algumas perguntas dos seguidores. A jornalista respondeu se o SBT já teria feito alguma proposta para que ela trabalhasse na emissora de Silvio Santos. Com currículo extenso, a comunicadora já teve passagens pela Globo, Band e Record.

“Quem sabe um dia. Eu adoro a emissora e foi a única que eu não trabalhei”, disse Carla Cecato que esteve durante 16 anos na emissora de Edir Macedo, mas com um salário alto e poucos dias de trabalho acabou tornando o relacionamento com a TV insustentável. “A gente nunca espera né? O programa de sábado [Fala Brasil] ia bem, chegou a ficar em primeiro [em audiência] e empatar com a Globo, um trabalho hercúleo. Record é uma empresa da qual gosto muito, fiquei muito tempo e não imaginava a demissão. Tenho uma história, é quase um divórcio que não foi feito por mim”, afirmou a comunicadora, que tem se dedicado a um empreendimento de comércio de jóias.

No final de outubro, a jornalista recebeu uma proposta para trabalhar na TV A Crítica, que foi afiliada da Record e virou canal independente no Amazonas. Ela teria sido convidada por Dissica Calderaro, dono do Grupo Calderaro de Comunicação, para conhecer o projeto da emissora em Manaus.

O canal queria que a apresentadora comandasse um jornalístico exibido em horário nobre, após o programa de Sikêra Jr. A ex-funcionária da Record gostou da ideia, no entanto recusou a proposta por não querer se mudar de São Paulo para o Amazonas. Além disso, ela também recusou um convite para apresentar um jornal diário na TV Jovem Pan News.

Leia mais